quarta-feira, 10 de junho de 2009

. Encontro .


To devendo esse post ha um bocado de tempo, mas precisava de tempo e tranquilidade pra tentar descrever o quanto foi bom encontrar a S. e o marido dela.

(S., to colocando so sua inicial aqui porque reparei que voce fez o mesmo la no seu blog e achei que voce quisesse ter sua identidade resguardada)

Sabe o que eh passar 5, eu disse cinco horas, conversando sem parar? A gente parecia duas malucas verborragicas! E pensa que esgotou o assunto? Nem! Falamos de tudo um pouco (bem pouco): familia, trabalho, filhos, planos pro futuro, passado, Brasil, Italia, enfim. Ela me ensinou sobre crodino, friselle, me deu dicas de onde achar o melhor queijo e os melhores vegetais de Taranto, falou em italiano perfeito e foi de uma delicadeza imensa ao me trazer uma fatia de torta de abacaxi e coco (de-li-ci-a) feita por ela mesma.

S. eh uma mulher forte, honesta, decidida, inteligente, sem rodeios, que ve o mundo que nos cerca com uma clareza impressionante. Mas S. tambem eh sensivel e dulcissima: "Como sei que voce viaja muito, vi esse colar e lembrei imediatamente de voce".

S., um beijo!

2 comments:

Daíza disse...

Que bommmm! é delicioso encontrar uma pessoa para papear com leveza. quando se está fora de casa então...
beijo!

Ciça Donner disse...

S. deve ter amado... mas é uma S acanagem a gente ficar na curiosidade ahhahahahaahh

| Top ↑ |